Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Considerações gerais sobre infecções virais em crianças

Por

Brenda L. Tesini

, MD, University of Rochester School of Medicine and Dentistry

Última revisão/alteração completa set 2019| Última modificação do conteúdo set 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Um vírus é um organismo infeccioso pequeno, muito menor do que um fungo ou bactéria, que precisa invadir uma célula viva para se reproduzir (consulte Considerações gerais sobre infecções virais).

As infecções virais são comuns entre pessoas de todas as idades, mas com frequência parecem se concentrar em bebês e crianças. A maioria das infecções virais da infância não é grave e inclui doenças tão diversas quanto resfriados, dor de garganta, vômitos e diarreia e febre com erupção cutânea. Algumas afecções virais que causam doenças mais graves, tais como sarampo, são menos comuns agora devido à ampla imunização. Vários tipos de infecções virais que as crianças podem adquirir são discutidos no assunto infecções virais do adulto.

Geralmente, os pais conseguem dizer se a criança está doente com uma infecção potencialmente grave e se precisa de assistência médica imediata. Isso é especialmente importante para crianças após a primeira infância. Muitas infecções virais são tão características que o médico consegue diagnosticá-las com base apenas nos sintomas. Um médico geralmente não precisa que um laboratório identifique o vírus específico envolvido.

A maioria das crianças com infecções virais melhora sem tratamento. Muitas infecções virais causam febre e dores no corpo ou mal-estar. Às vezes, o médico trata esses sintomas com paracetamol ou ibuprofeno. Aspirina não é administrada a crianças ou adolescentes com esses sintomas, porque ela aumenta o risco de síndrome de Reye nas que têm certas infecções virais. Antibióticos não podem curar infecções virais. No entanto, existem medicamentos antivirais disponíveis para algumas infecções virais, como hepatitis, alguns herpesviruses, influenza, e vírus da imunodeficiência humana (HIV).

Tabela
icon

Algumas infecções virais que causam uma erupção cutânea

Infecção

Período de incubação

Período de contágio

Local da erupção cutânea

Natureza da erupção cutânea

Sarampo (rubéola)

7 a 14 dias

De dois a quatro dias antes do surgimento da erupção cutânea até dois a cinco dias após

Começa na área das orelhas, na face e no rosto

Espalha-se pelo tronco, pelos braços e pelas pernas

Tem início três a cinco dias depois do início da febre, corrimento nasal, tosse, olhos vermelhos e dor de garganta e dura de três a cinco dias

Áreas irregulares, chatas e vermelhas que logo se tornam salientes

Rubéola (sarampo alemão)

14 a 21 dias

De uma semana antes de a erupção cutânea aparecer até uma semana depois de ela aparecer

Recém-nascidos infectados são em geral contagiosos por muitos meses

Começa na face e no pescoço

Espalha-se pelo tronco, pelos braços e pelas pernas

Tem início um ou dois dias depois do começo da febre leve, gânglios linfáticos inchados e doloridos, olhos vermelhos e dor de cabeça e dura de três a cinco dias

Erupção cutânea fina, rosada e chata

Roséola infantil (exantema súbito ou pseudorrubéola)

Cerca de 5 a 15 dias

Desconhecido

Tem início no tronco e geralmente se espalha para o pescoço, face, braços e pernas

Tem início aproximadamente no quarto dia depois do início de uma febre alta e geralmente assim que a febre acaba e dura entre algumas horas a alguns dias

Erupção cutânea rosa avermelhada, chata ou saliente

Eritema infeccioso (quinta doença ou infecção por parvovírus B19)

4 a 14 dias

Desde antes do início da erupção cutânea até um a dois dias após

Começa nas bochechas

Espalha-se para os braços, as pernas e o tronco

Tem início vários dias depois do começo de febre baixa, dor de cabeça e corrimento nasal e dura cinco a dez dias

Pode ocorrer novamente por diversas semanas

Erupção cutânea vermelha nas bochechas (erupção cutânea da bochecha batida) e se espalha para os braços, pernas e tronco e se torna mais pálida e manchada com áreas rendadas

Catapora (varicela)

11 a 15 dias

De alguns dias antes do início dos sintomas até todas as manchas terem formado crosta

Começa na face, pescoço e tronco

Espalha-se para os braços, pernas e couro cabeludo

Aparece em áreas pequenas, de maneira que vários estágios estão presentes simultaneamente

Tem início logo após o começo da febre, sensação de doença e dura de alguns dias a duas semanas

Manchas pequenas, chatas e vermelhas que ficam salientes e formam bolhas redondas cheias de líquido contra um fundo vermelho antes de finalmente formar crosta

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Administração de insulina
Vídeo
Administração de insulina
O diabetes é um quadro clínico que se desenvolve devido a concentrações elevadas de glicose...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Cifose
Modelo 3D
Cifose

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS