honeypot link

Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Trissomia do X

(Triple X Syndrome; XXX)

Por

Nina N. Powell-Hamilton

, MD, Sidney Kimmel Medical College at Thomas Jefferson University

Última revisão/alteração completa jul 2020| Última modificação do conteúdo jul 2020
Clique aqui para a versão para profissionais

A trissomia do X é uma anomalia de cromossomo sexual comum, na qual as meninas nascem com três cromossomos X (XXX).

Cromossomos são estruturas dentro das células que contêm DNA e muitos genes. Os genes contêm instruções que definem de que maneira o organismo deve funcionar.

Os cromossomos sexuais determinam se o feto será masculino ou feminino. Um par de cromossomos X e Y (XY) determina o sexo masculino e um par de cromossomos X e X (XX) determina o sexo feminino.

Na síndrome do triplo X, o cromossomo X extra costuma ser herdado da mãe. Quanto mais idade a mãe tiver, maior a chance de que o feto tenha a síndrome. Cerca de uma em cada 1.000 meninas nasce com o terceiro cromossomo X.

A síndrome da trissomia do X raramente causa anomalias físicas óbvias. Meninas com síndrome da trissomia do X podem apresentar inteligência levemente abaixo da média, problemas com as habilidades verbais e mais problemas escolares que seus irmãos e irmãs. Às vezes, a síndrome causa irregularidade menstrual e infertilidade. Contudo, algumas mulheres com síndrome da trissomia do X já deram à luz crianças fisicamente normais com cromossomos normais.

Casos extremamente raros de bebês com quatro ou até mesmo cinco cromossomos X já foram identificados. Quanto mais cromossomos X a menina apresentar, maior é a probabilidade de ela ter deficiência intelectual e anomalias físicas.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS