Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Fatores de infertilidade não identificados

Por

Robert W. Rebar

, MD, Western Michigan University Homer Stryker M.D. School of Medicine

Última revisão/alteração completa fev 2019| Última modificação do conteúdo fev 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

Fatores não identificados costumam ser considerados a explicação para a infertilidade quando o sêmen do homem for normal e quando a ovulação e as trompas de Falópio na mulher forem normais e a ovulação for regular.

Tratamento

  • Estimulação ovariana controlada

  • Algumas vezes, técnicas de reprodução assistida

Uma abordagem denominada estimulação ovariana controlada pode ser usada caso nenhuma explicação para a infertilidade seja identificada.

A estimulação ovariana controlada pode aumentar a chance de haver gravidez e ajudar a mulher a engravidar mais rapidamente. Esse tratamento pode gerar mais de um feto.

A estimulação ovariana controlada envolve o seguinte:

  • A mulher recebe um medicamento para fertilidade (clomifeno), que estimula o amadurecimento e liberação de vários óvulos, e gonadotrofina coriônica humana (hCG), que estimula a ovulação, por até três ciclos menstruais.

  • O sêmen é colocado diretamente no útero para ultrapassar o muco (inseminação intrauterina) no prazo de dois dias após o tratamento com hCG.

Um dos procedimentos a seguir pode ser realizado caso a gravidez não ocorra depois desse tratamento:

Prognóstico

A mulher tem a mesma chance de engravidar (aproximadamente 65%) independentemente de um tratamento sem sucesso com clomifeno ser seguido imediatamente por fertilização in vitro ou se o clomifeno for seguido por gonadotrofinas humanas e, em seguida, por fertilização in vitro. No entanto, a mulher engravida mais rapidamente e fica menos propensa a ter uma gestação com três ou mais fetos quando o tratamento sem sucesso com clomifeno é seguido imediatamente por fertilização in vitro que quando gonadotrofinas humanas são administradas. Assim, se o clomifeno mais a inseminação intrauterina falharem, a próxima etapa costuma ser a fertilização in vitro.

Há evidência que sugere que as mulheres com mais de 38 anos de idade que têm infertilidade inexplicada conseguem conceber mais rapidamente quando a fertilização in vitro é realizada antes de ser tentada a estimulação ovariana controlada.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Ultrassonografia na gestação: Técnica
Vídeo
Ultrassonografia na gestação: Técnica
A ultrassonografia na gestação é usada para detectar os batimentos cardíacos do feto e obter...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Conteúdo da pelve feminina
Modelo 3D
Conteúdo da pelve feminina

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS