Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link
Medicamentos usados ​​para tratar a artrite reumatoide

Medicamentos usados ​​para tratar a artrite reumatoide

Medicamento

Alguns efeitos colaterais

Comentários

Diclofenaco

Ibuprofeno

Naproxeno

Muitos outros

Desconforto estomacal

Aumento da pressão arterial

Problemas renais

Todos os AINEs tratam os sintomas e diminuem a inflamação, mas não alteram o curso da doença.

Esses medicamentos são administrados por via oral. Alguns AINEs estão em forma de creme e podem ser aplicados na pele diretamente sobre as articulações dolorosas.

Inibidores da ciclo-oxigenase-2 (COX-2) (coxibes), como celecoxibe

Problemas renais

Aumento da pressão arterial

Menor risco de úlceras de estômago e hemorragias do que com outros AINEs

Possível aumento do risco de ataque cardíaco e acidente vascular cerebral

Aumento possível do risco de hematomas e sangramento

Hidroxicloroquina

Geralmente dermatite leve (erupções)

Dores musculares ou fraqueza

Problemas oculares

Todos os DMARDs podem retardar a progressão das lesões articulares, bem como diminuir gradualmente a dor e inchaço.

A leflunomida é quase tão eficaz quanto o metotrexato.

Esses medicamentos são administrados por via oral.

Metotrexato pode ser administrado por meio de injeção sob a pele (via subcutânea).

Leflunomida

Erupções cutâneas

Doença hepática

Lesão nervosa (neuropatia)

Diarreia

Queda de cabelo

Metotrexato

Doença hepática

Inflamação pulmonar

Náusea

Neutropeniaa

Feridas bucais

Diminuição do número de espermatozoides e da fertilidade masculina

Queda de cabelo

Sulfassalazina

Problemas de estômago

Neutropeniaa

Destruição das hemácias (hemólise)

Problemas de fígado

Erupções cutâneas

Prednisona

Prednisolona

Inúmeros efeitos colaterais em todo o corpo com o uso em longo prazo:

Prednisona e prednisolona podem reduzir a inflamação rapidamente.

Elas podem não ser úteis em longo prazo devido aos efeitos colaterais.

Esses medicamentos geralmente são tomados por via oral, mas podem ser injetados em um músculo (via intramuscular) ou em uma veia (via intravenosa).

Acetato de metilprednisolona

Raramente infecção nos locais das injeções ou dentro da articulação

Enfraquecimento dos tecidos, se as injeções forem administradas muito frequentemente por muito tempo

Sangramento dentro da articulação após uma injeção, particularmente em pessoas tomando anticoagulantes

Esses medicamentos são administrados por injeção na articulação.

Triancinolona acetonida

Triancinolona hexacetonida

Azatioprina

Ciclosporina

Doença hepática

Neutropeniaa

Ciclosporina: Função renal comprometida, hipertensão arterial e diabetes

A azatioprina é quase tão eficaz quanto alguns DMARDs, no entanto é mais tóxica.

A ciclosporina é quase tão eficaz quanto alguns DMARDs, porém apresenta um maior risco de efeitos colaterais.

Esses medicamentos são administrados por via oral.

Adalimumabeb

Certolizumabe pegolb

Etanercepteb

Golimumabeb

Infliximabeb

Outros cânceres de pele que não melanoma

Esses medicamentos produzem uma resposta intensa e imediata na maioria das pessoas.

Eles podem retardar a lesão articular.

Adalimumabe, certolizumabe pegol, etanercepte e golimumabe são administrados por injeção sob a pele (via subcutânea).

O infliximabe é administrado como uma série de infusões na veia.

Abataceptec

Problemas pulmonares

Aumento da suscetibilidade à infecção

Dor de cabeça

Infecção respiratória superior

Inflamação da garganta

Náusea

Abatacepte é usado apenas quando as pessoas não melhoram após tomarem outros medicamentos.

Pode ser injetada em uma veia (via intravenosa) ou por injeção sob a pele (via subcutânea).

Anacinrad

Dor, vermelhidão e coceira no local da injeção

Aumento no risco de infecções

Neutropeniaa

Anacinra é provavelmente menos eficaz do que adalimumabe, etanercepte e infliximabe.

É administrado por meio de injeção sob a pele (via subcutânea).

Baricitinibee

Risco de infecção, particularmente a reativação da varicela e herpes zóster

Câncer de pele não melanoma

Baricitinibe é tomado por via oral.

Rituximabec

Quando o medicamento está sendo administrado:

  • Dor e coceira no local da injeção

  • Erupções cutâneas

  • Dor nas costas

  • Pressão arterial alta ou baixa

  • Febre

Após o medicamento ser administrado:

  • Aumento discreto do risco de infecção e possivelmente câncer

  • Neutropeniaa

  • Reativação da hepatite B

Rituximabe é usado apenas quando as pessoas não melhoram depois de tomarem um inibidor do fator de necrose tumoral e metotrexato.

É administrado pela veia (via intravenosa).

Sarilumabef

A neutropeniaa (muito poucos glóbulos brancos que combatem infecções)

Supressão da produção de plaquetas na medula óssea, às vezes com suscetibilidade aumentada para hemorragias

Aumento das enzimas hepáticas

Sarilumabe é administrado por injeção sob a pele (via subcutânea).

Tocilizumabef

Infecção (como tuberculose) podem ser grave ou provocar sepse

Neutropeniaa

Possivelmente, supressão da produção de plaquetas na medula óssea, às vezes com suscetibilidade aumentada para hemorragias

Aumento das enzimas hepáticas

Raramente perfuração do intestino

Tocilizumabe é usado apenas quando as pessoas não melhoram após tomarem outros medicamentos.

Pode ser injetada em uma veia (via intravenosa) ou por injeção sob a pele (via subcutânea).

Tofacitinibee

Risco de infecção, particularmente a reativação da varicela e herpes zóster

Câncer de pele não melanoma

Tofacitinibe é usado quando o metotrexato não foi eficaz o suficiente.

Este medicamento é administrado por via oral.

Upadacitinibee

Risco de infecção, particularmente a reativação da varicela e herpes zóster

Câncer de pele não melanoma

Tromboembolismo venoso

O upadacitinibe é usado quando o metotrexato não foi suficientemente eficaz.

Este medicamento é administrado por via oral.

a A supressão da produção de células sanguíneas na medula óssea pode levar a contagens reduzidas de glóbulos brancos que combatem infecções, chamados neutrófilos, aumentando a suscetibilidade a infecções.

b Adalimumabe, certolizumabe pegol, etanercepte, golimumabe e infliximabe são inibidores do fator de necrose tumoral (FNT).

c Abatacepte e rituximabe são outros tipos de agentes biológicos.

d Anacinra é um bloqueador do receptor de interleucina‑1.

e Baricitinibe, tofacitinibe e upadacitinibe são inibidores de Janus quinase (JAK).

f Sarilumabe e tocilizumabe são bloqueadores do receptor de interleucina‑6.