Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Luxações da rótula

(luxação patelar)

Por

Danielle Campagne

, MD, University of San Francisco - Fresno

Última revisão/alteração completa jul 2019| Última modificação do conteúdo jul 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

As luxações da rótula (patelares) ocorrem quando a rótula e os ligamentos que a prendem no lugar deslizam para as laterais e para fora do joelho.

  • A rótula pode deslizar para fora do lugar quando as pessoas, geralmente meninas adolescentes com uma anormalidade do joelho, tentam repentinamente mudar de direção.

  • A rótula aparenta estar fora do lugar e as pessoas sentem dor debaixo dela e não conseguem endireitar o joelho.

  • Os médicos conseguem diagnosticar uma luxação na rótula examinando o joelho.

  • Os médicos recolocam delicadamente a rótula no lugar, depois aplicam um imobilizador de joelho ou joelheira articulada.

As luxações da rótula diferem das luxações do joelho (que são muito mais sérias).

As luxações da rótula são comuns. Muitas vezes elas ocorrem em meninas adolescentes que têm uma anormalidade anatômica da articulação do joelho, como ligamentos soltos ou ossos levemente desalinhados.

Geralmente, a rótula desliza para fora do lugar quando as pessoas repentinamente tentam mudar de direção. As luxações da rótula podem ocorrer em esportes que envolvem uma torção repentina do joelho e/ou impacto (como futebol, ginástica, beisebol ao oscilar um taco, e hóquei no gelo). Elas também podem ocorrer quando pessoas tropeçam ou escorregam.

Às vezes, a força que causou a luxação fratura a cartilagem na parte posterior da rótula ou faz com que um pequeno fragmento da extremidade do fêmur se quebre.

Sintomas

A rótula parece estar fora de lugar. As pessoas sentem dor sob a rótula. A articulação fica sensível e muitas vezes inchada. As pessoas não conseguem endireitar o joelho e muitas vezes conseguem mover a rótula de um lado para outro. Elas podem ficar incapazes de andar.

Diagnóstico

  • Avaliação de um médico

  • Radiografias para verificar se há fraturas

A rótula pode voltar ao lugar por si só antes que as pessoas cheguem a consultar um médico. Entretanto, as pessoas ainda devem se consultar com um médico para que ele possa pesquisar se há fraturas que possam ter ocorrido durante a lesão.

Você sabia que...

  • Se uma rótula sair do lugar, as pessoas devem procurar um médico mesmo se a rótula voltar ao lugar por si só.

Os médicos conseguem diagnosticar uma luxação na rótula ao examinar o joelho. Se a rótula já tiver voltado ao lugar, eles poderão dizer se houve luxação, pois detectam sangue dentro da articulação e a articulação fica sensível.

Os médicos tiram radiografias de diversos ângulos para verificar se há fraturas.

Tratamento

  • Manipulação para recolocar a rótula no lugar

  • Geralmente, uma bandagem elástica e muletas ou, às vezes, um imobilizador de joelho

  • Se a rótula permanecer instável, cirurgia

Os médicos recolocam a rótula delicadamente no lugar (chamado redução). Geralmente, nenhum sedativo ou analgésico é necessário. Em seguida, o joelho é examinado quanto a estabilidade, sendo movido por toda a sua amplitude de movimento (flexão e extensão do joelho). Se o joelho estiver estável, ele é enrolado em uma bandagem elástica, e as pessoas devem usar muletas. Se o joelho estiver instável, um imobilizador de joelho é aplicado. Esse dispositivo apoia o joelho e o impede de dobrar. O imobilizador deve ser usado por vários dias. Depois de removido, é necessário fazer fisioterapia para restaurar a força muscular e melhorar a amplitude de movimento do joelho.

A articulação pode precisar ser reparada cirurgicamente por um cirurgião ortopedista, caso ocorra algum dos seguintes:

  • Fratura de um osso.

  • Lesão da cartilagem na articulação.

  • O joelho continua instável depois do tratamento inicial.

A cirurgia também pode ser feita usando um pequeno tubo de visualização inserido na articulação por uma diminuta incisão (cirurgia artroscópica) ou cirurgia aberta (que requer uma incisão maior).

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Cotovelo de tenista
Vídeo
Cotovelo de tenista
O sistema esquelético é o arcabouço do corpo. Ele confere formato ao corpo, protege órgãos...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Tecidos conjuntivos do joelho
Modelo 3D
Tecidos conjuntivos do joelho

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS