Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Terapia por recompressão

(Terapia com oxigênio hiperbárico)

Por

Richard E. Moon

, MD, Duke University Medical Center

Última revisão/alteração completa ago 2019| Última modificação do conteúdo ago 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

A terapia por recompressão envolve a administração de oxigênio puro por várias horas em uma câmara selada a pressões superiores a 1 atmosfera.

A terapia por recompressão tem quatro efeitos no sangue que podem ser úteis no tratamento de lesões por mergulho:

  • Aumento da concentração de oxigênio

  • Diminuição da concentração de nitrogênio

  • Diminuição da concentração de monóxido de carbono

  • Diminuição do tamanho das bolhas de gás

Entre os mergulhadores, a terapia por recompressão é usada principalmente para doença de descompressão e embolia gasosa arterial, mas também pode ser usada para tratar uma intoxicação por monóxido de carbono.

O tratamento em uma câmara hiperbárica é frequentemente chamado de terapia com oxigênio hiperbárico quando é fornecido principalmente para administrar altas concentrações de oxigênio em vez de tratar a doença de descompressão ou embolia gasosa arterial. A terapia com oxigênio hiperbárico é usada para vários distúrbios não relacionados ao mergulho.

Distúrbios tratados com terapia com oxigênio hiperbárico

O tratamento com terapia com oxigênio hiperbárico parece ser benéfico para pessoas com alguns distúrbios. Estes incluem

Não se sabe bem se o tratamento com terapia com oxigênio hiperbárico ajuda as pessoas com outros distúrbios, e ainda estão sendo conduzidos estudos sobre esses distúrbios:

  • Abscesso cerebral causado por actinomicose

  • Anemia grave e pressão arterial muito baixa decorrente de perda de sangue

Quanto mais cedo for iniciada a terapia de recompressão para a doença de descompressão, provavelmente melhor será o resultado. No entanto, a recompressão pode ser útil mesmo se iniciada em até vários dias após chegar à superfície. Algumas câmaras são multipacientes, enquanto outras são individuais. Geralmente, os tratamentos são administrados uma ou duas vezes por dia, por até 300 minutos. Na maioria das vezes, é administrado oxigênio puro entre 2,5 e 3 atmosferas de pressão.

Durante a gravidez, um único tratamento de recompressão para uma doença aguda, como a doença de descompressão ou intoxicação por monóxido de carbono, geralmente é considerado seguro. No entanto, múltiplos tratamentos com oxigênio hiperbárico são geralmente evitados durante a gravidez, devido a possíveis efeitos prejudiciais das altas concentrações de oxigênio no feto. A terapia por recompressão pode causar problemas semelhantes aos que ocorrem com barotrauma. Também pode causar miopia temporária, níveis baixos de açúcar no sangue (hipoglicemia) ou, raramente, efeitos tóxicos nos pulmões ou convulsões.

Pessoas com pulmão colapsado (pneumotórax) podem precisar de um tubo torácico (toracostomia) antes da terapia de recompressão.

As informações referentes à localização da câmara de recompressão mais próxima, os meios mais rápidos de chegar até lá e a fonte mais apropriada de consulta por telefone devem ser do conhecimento da maioria dos mergulhadores. Essas informações também estão disponíveis na Divers Alert Network (919-684-9111; www.diversalertnetwork.org) 24 horas por dia.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Ligamento cruzado anterior
Vídeo
Ligamento cruzado anterior
O ligamento cruzado anterior, ou LCA, está localizado no centro do joelho, junto do ligamento...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Ruptura da coifa dos rotadores
Modelo 3D
Ruptura da coifa dos rotadores

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS