Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link
Fatos rápidos

Exames relacionados ao ácido e ao refluxo

Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha os detalhes completos
Recursos do assunto

O estômago produz o ácido que ajuda a digerir alimentos.

O refluxo gastroesofágico ocorre quando o ácido gástrico retorna através do esôfago em direção à garganta. O esôfago é o tubo que liga a garganta ao estômago. O refluxo gastroesofágico pode causar dor em queimação na parte superior do abdômen e tórax. Essa dor é às vezes denominada azia.

O esôfago

O esôfago

Quais tipos de exames são feitos para o refluxo gastroesofágico?

O médico coloca instrumento no esôfago para medir a quantidade de ácido presente no esôfago. Existem dois tipos de exames:

  • Monitoramento por cateter, que utiliza um tubo flexível (cateter) para medir a quantidade de ácido

  • Monitoramento sem fio, que utiliza uma cápsula de radiotelemetria para medir a quantidade de ácido

Em ambos os exames, a pessoa não pode comer nem beber nada depois da meia-noite antes do exame, mas a pessoa pode comer e beber normalmente enquanto os instrumentos estão presentes no esôfago.

Esses exames são muito seguros.

Monitoramento com cateter

  • O médico introduz um tubo de plástico fino (cateter) através do nariz e passando pela garganta até chegar ao esôfago

  • O tubo tem uma sonda que detecta a presença de ácido

  • O tubo permanece no esôfago durante 24 horas, enquanto a pessoa mantém um registro dos sintomas, refeições e sono em um diário

  • Os fios no interior do tubo enviam informações sobre o ácido no esôfago a um gravador

  • O médico então compara as informações no gravador com o diário da pessoa para ver se os sintomas ocorreram enquanto havia ácido no esôfago

Alguns cateteres também conseguem medir outras substâncias como, por exemplo, muco, que estão voltando pelo esôfago.

Monitoramento sem fio

  • Depois de administrar um medicamento que causa sonolência, o médico introduz um tubo de visualização flexível através da boca e prende uma cápsula para medir a quantidade de ácido na parte inferior do esôfago

  • A pessoa então mantém um registro dos sintomas, refeições e sono em um diário

  • A cápsula mede a quantidade de ácido no esôfago e transmite as informações por meio de um sistema sem fio a um receptor preso à pessoa

  • O médico então compara as informações com o diário da pessoa para ver se os sintomas ocorreram enquanto havia ácido no esôfago

  • A cápsula se desprende no prazo de uma semana e passa pelo intestino, sendo excretada pelo organismo nas fezes

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
OUTROS TÓPICOS NESTE CAPÍTULO
Diagnóstico de distúrbios digestivos
Obtenha o
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Teste os seus conhecimentos
Infecções do útero pós-parto
As infecções maternas que surgem após o parto do bebê, geralmente, começam no útero. Qual dos seguintes tipos de parto aumenta a probabilidade de desenvolver uma infecção uterina?
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
PRINCIPAIS