Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Função endócrina

Por

John E. Morley

, MB, BCh, Saint Louis University School of Medicine

Última revisão/alteração completa abr 2019| Última modificação do conteúdo abr 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Ao atingirem o seu local-alvo, os hormônios se ligam ao receptor, muito parecido com uma chave encaixada na fechadura. Assim que o hormônio se une ao seu receptor, ele transmite uma mensagem que faz com que o local-alvo execute uma ação específica. Os receptores hormonais podem estar localizados no núcleo ou na superfície da célula.

E, por fim, os hormônios controlam a função de todos os órgãos e afetam diferentes processos, tais como o crescimento e desenvolvimento, a reprodução e as características sexuais. Os hormônios também influenciam a maneira pela qual o organismo utiliza e armazena a energia e como ele controla o volume de líquidos e os níveis de sais e glicose (açúcar) no sangue. Volumes muito pequenos de hormônios podem desencadear respostas bastante significativas pelo organismo.

Apesar de os hormônios circularem em todo o corpo, cada tipo de hormônio afeta apenas determinados órgãos e tecidos. Alguns hormônios afetam apenas um ou dois órgãos, ao passo que outros afetam todo o corpo. Por exemplo, o hormônio estimulante da tireoide, produzido na hipófise Considerações gerais sobre a hipófise A hipófise é uma glândula do tamanho de uma ervilha que está alojada no interior de uma estrutura óssea (sela turca) localizada na base do cérebro. A sela turca protege a hipófise, mas deixa... leia mais , afeta apenas a glândula tireoide. Por outro lado, o hormônio da tireoide, produzido na glândula tireoide Considerações gerais sobre a tireoide A tireoide é uma pequena glândula que mede cerca de 5 centímetros de diâmetro, localizada no pescoço, sob a pele, por baixo do pomo-de-adão. As duas metades (lobos) da tireoide estão ligadas... leia mais , afeta células em todo o corpo e está envolvido em funções importantes, tais como regulação do crescimento das células, controle da frequência cardíaca, e afeta a velocidade na qual as calorias são queimadas. A insulina, secretada pelas células das ilhotas do pâncreas, afeta o processamento (metabolismo) da glicose, de proteínas e da gordura em todo o corpo.

Tabela
icon

Controles endócrinos

Controla as funções endócrinas; a secreção de cada hormônio deve ser regulada dentro de limites precisos. O corpo normalmente consegue detectar se é necessária uma quantidade maior ou menor de determinado hormônio.

Muitas glândulas endócrinas Glândulas endócrinas O sistema endócrino é composto por um grupo de glândulas e órgãos que regulam e controlam várias funções do organismo por meio da produção e secreção de hormônios. Os hormônios são substâncias... leia mais são controladas pela interação de sinais hormonais entre o hipotálamo, localizado no cérebro, e a hipófise, localizada na base do cérebro. Essa interação é conhecida como eixo hipotálamo-hipófise. O hipotálamo secreta vários hormônios que controlam a hipófise.

A hipófise Hipófise: A glândula mestra A hipófise é uma glândula do tamanho de uma ervilha que está alojada no interior de uma estrutura óssea (sela turca) localizada na base do cérebro. A sela turca protege a hipófise, mas deixa... leia mais , às vezes chamada de glândula mestra, por sua vez controla as funções de muitas outras glândulas endócrinas. A hipófise controla a taxa em que secreta hormônios por meio de um ciclo de feedback em que as concentrações sanguíneas de outros hormônios endócrinos sinalizam para que a hipófise funcione mais lentamente ou rapidamente. Assim, por exemplo, a hipófise sente quando a concentração do hormônio da tireoide no sangue está baixa e libera o hormônio estimulante da tireoide, que sinaliza à tireoide que ela precisa produzir mais hormônio. Caso a concentração esteja muito alta, a hipófise sente isso e diminui a quantidade de hormônio estimulante da tireoide, que por sua vez diminui a quantidade de hormônio da tireoide que está sendo produzida. Esse ajuste alternado (interativo) mantém o equilíbrio adequado dos níveis hormonais.

Muitos outros fatores também podem controlar a função endócrina. Por exemplo, quando o bebê suga o mamilo da mãe, isso estimula a hipófise a secretar prolactina e ocitocina, hormônios que estimulam a produção e o fluxo de leite da mama. O aumento das concentrações de glicose no sangue estimula as células das ilhotas do pâncreas a produzirem insulina. Parte do sistema nervoso estimula a glândula suprarrenal a produzir adrenalina.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS

Teste os seus conhecimentos

Hipolipidemia
Pessoas com disfunções hereditárias raras que produzem níveis anormalmente baixos de colesterol LDL, tais como abetalipoproteinemia e hipobetalipoproteinemia, podem apresentar fezes oleosas, déficit de crescimento e, por fim, desenvolver qual dos seguintes quadros clínicos?
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
PRINCIPAIS