Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Displasia fibromuscular

Por

Koon K. Teo

, MBBCh, PhD, McMaster University

Última revisão/alteração completa mai 2021| Última modificação do conteúdo mai 2021
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

A displasia fibromuscular é o espessamento anormal das paredes das artérias que não está relacionado a aterosclerose ou inflamação, mas causa estreitamento ou bloqueio da artéria.

A displasia fibromuscular pode afetar as artérias que suprem os rins (artérias renais), o cérebro (artérias carótidas e intracranianas), o estômago e o intestino (artérias intra-abdominais, como as artérias celíaca e mesentérica) ou as artérias que se ramificam na parte inferior da aorta para suprir as pernas (artérias ilíacas externas). As pessoas podem ter displasia fibromuscular em mais de uma artéria.

A displasia fibromuscular geralmente não causa sintomas, independentemente da localização. Os sintomas, quando presentes, variam por localização.

Tratamento de displasia fibromuscular

  • Angioplastia, cirurgia ou reparo do aneurisma

Cirurgia de revascularização na perna

Uma cirurgia de revascularização pode ser feita para tratar artérias que estão estreitadas ou bloqueadas. Nesse procedimento, o sangue é redirecionado e passa a contornar a artéria afetada — por exemplo, em torno de parte da artéria femoral na coxa ou parte da artéria poplítea no joelho. Um enxerto consistindo de um tubo feito de material sintético ou de parte de uma veia de outra região do corpo é ligado à artéria obstruída acima e abaixo da obstrução.

Cirurgia de revascularização na perna

Mais informações

Seguem recursos em idioma inglês que podem ser úteis. Vale ressaltar que O MANUAL não é responsável pelo conteúdo desses recursos.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
quiz link

Test your knowledge

Take a Quiz! 
ANDROID iOS
ANDROID iOS
ANDROID iOS
PRINCIPAIS