Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Tumores esofágicos não malignos

Por

Minhhuyen Nguyen

, MD, Fox Chase Cancer Center, Temple University

Última revisão/alteração completa mar 2021| Última modificação do conteúdo mar 2021
Clique aqui para a versão para profissionais

Tumores não cancerosos (benignos) do esôfago Garganta e esôfago A garganta (faringe – Garganta) está atrás e abaixo da boca. Quando os alimentos e líquidos saem da boca, eles passam através da garganta. A deglutição de alimentos e líquidos começa voluntariamente... leia mais (o tubo que conecta a garganta ao estômago) são raros. Alguns tumores podem causar dificuldades para engolir e, raramente, úlcera, hemorragia ou ambas. Causam mais incômodos do que danos.

Para diagnosticar esses tumores, o médico realiza uma endoscopia digestiva alta ou um exame de ingestão de bário. Na endoscopia digestiva alta, o médico examina o esôfago com um tubo flexível. No exame de ingestão de bário, o médico geralmente tira radiografias enquanto a pessoa ingere líquido contendo bário (que é visível nas radiografias). Assim que os tumores são observados, o médico retira amostras de tecido por meio de uma endoscopia digestiva alta e talvez também faça uma ultrassonografia endoscópica. É possível que o médico realize um exame de tomografia computadorizada (TC) em algumas pessoas.

Normalmente, não se recomenda fazer tratamento antes de a pessoa apresentar sintomas.

O tipo mais frequente de tumor não canceroso do esôfago é o leiomioma, um tumor do músculo liso. Ocorre mais frequentemente em pessoas entre 30 e 60 anos. A maioria dos leiomiomas é de pequena dimensão e não exige tratamento. Contudo, um pequeno número de leiomiomas cresce o suficiente para causar obstrução parcial do esôfago, podendo causar dificuldade em engolir Dificuldade em engolir Algumas pessoas têm dificuldade para engolir (disfagia). Na disfagia, alimentos e/ou líquidos não se movem normalmente da garganta (faringe) para o estômago. As pessoas sentem que os alimentos... leia mais (disfagia) e dores ou desconfortos. Medicamentos (analgésicos) podem proporcionar alívio temporário, mas o alívio permanente somente pode ser obtido pela extração cirúrgica.

Outros tipos de tumores benignos, incluindo os formados por tecido conjuntivo (pólipos fibrovasculares) e por tecidos relacionados aos nervos (schwannomas), são raros. Uma vez que outros tumores não cancerosos podem transformar-se em cancerosos (malignos), eles geralmente são removidos pelos médicos.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Teste os seus conhecimentos
Esofagite eosinofílica
A esofagite eosinofílica é um distúrbio inflamatório, no qual a parede do esôfago, um tubo que leva da garganta até o estômago, se enche de um tipo de glóbulo branco chamado eosinófilo. Qual das opções seguintes é considerada a causa desse distúrbio?
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
PRINCIPAIS