Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Hidrocefalia de pressão normal

Por

Juebin Huang

, MD, PhD, Memory Impairment and Neurodegenerative Dementia (MIND) Center, University of Mississippi Medical Center

Última revisão/alteração completa mar 2018| Última modificação do conteúdo mar 2018
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

A hidrocefalia de pressão normal consiste em dificuldade em andar, incontinência urinária e demência devido a um aumento no líquido que normalmente circunda o cérebro.

Normalmente, o líquido que circunda o cérebro e o protege de lesões (líquido cefalorraquidiano) é produzido de forma contínua nos espaços dentro do cérebro (ventrículos), circula em torno dele e é reabsorvido. Acredita-se que a hidrocefalia de pressão normal ocorra quando esse líquido não é reabsorvido de forma normal, fazendo com que ele fique acumulado. A quantidade de líquido nos ventrículos aumenta e o cérebro é então pressionado para fora.

Sintomas

Em geral, o principal sintoma de hidrocefalia de pressão normal é uma instabilidade geral e perda de equilíbrio. Normalmente, as pessoas apresentam um caminhar anormalmente lento, instável e com as pernas muito abertas. Os pés podem parecer presos ao chão (chamado de passo magnético). As pessoas também têm incontinência urinária e uma tendência a cair.

A demência pode não se desenvolver até o final da doença. Muitas vezes, os primeiros sinais de demência são dificuldade de se planejar, organizar, expor ideias ou realizar ações para uma tarefa na ordem certa (em sequência), pensar de forma abstrata e prestar atenção. A memória tende a ser perdida posteriormente.

Diagnóstico

  • Avaliação de um médico

  • Imagens do cérebro, geralmente imagem por ressonância magnética

  • Remoção de líquido cefalorraquidiano

Os médicos podem suspeitar de hidrocefalia de pressão normal quando as pessoas apresentam os três sintomas típicos:

  • Dificuldade ao andar

  • Incontinência urinária

  • Demência

No entanto, o diagnóstico de hidrocefalia de pressão normal não pode ser baseado apenas nos sintomas, particularmente em pessoas mais idosas. Outras demências podem causar sintomas semelhantes, e em pessoas mais velhas, muitas doenças podem dificultar o andar ou causar incontinência urinária.

Diagnóstico de demência

Os médicos baseiam o diagnóstico de demência no seguinte:

  • Sintomas, que são identificados ao perguntar à pessoa e seus familiares ou outros cuidadores

  • Resultados de um exame físico, incluindo um exame neurológico

  • Resultados do teste de estado mental

  • Resultados de testes adicionais, como tomografia computadorizada (TC) ou imagem por ressonância magnética (RM)

Testes de estado mental, consistindo de simples questões e tarefas, ajudam os médicos a determinar se as pessoas apresentam demência.

Algumas vezes, mais detalhes para os testes (chamados testes neuropsicológicos) são necessários. Esses exames cobrem todas as funções mentais principais, incluindo o estado de ânimo, e a sua realização dura de 1 a 3 horas. Esse teste ajuda os médicos a distinguir a demência de outras condições que podem causar sintomas semelhantes, tais como desgaste da memória associado à idade, do transtorno cognitivo leve e da depressão.

Informações das fontes acima podem geralmente ajudar os médicos a descartarem delirium como a causa dos sintomas ( Comparação entre delirium e demência). Fazer isso é essencial, pois o delirium, diferente da demência, pode frequentemente ser revertido se for tratado rapidamente. A diferença entre os dois inclui o seguinte:

  • A demência afeta principalmente a memória e o delirium afeta principalmente a atenção.

  • A demência normalmente apresenta início gradual e não um início definitivo. O delirium inicia-se repentinamente e frequentemente apresenta um início definitivo.

Diagnóstico de hidrocefalia de pressão normal

Imagens do cérebro, geralmente imagem por ressonância magnética (RM) são realizadas para verificar o excesso de líquido cefalorraquidiano. Encontrar excesso de líquido aponta o diagnóstico de hidrocefalia de pressão normal, mas não o confirma.

Para ajudar no diagnóstico, os médicos fazem uma punção lombar ou colocam um dreno temporário na medula espinhal para remover o excesso de líquido cefalorraquidiano. Se esses procedimentos aliviarem os sintomas, é provável que exista hidrocefalia de pressão normal e é provável que o tratamento seja eficaz.

Tratamento

  • Uma derivação nos ventrículos do cérebro

O tratamento da hidrocefalia de pressão normal consiste na colocação de um pedaço de tubo de plástico (uma derivação) nos ventrículos do cérebro e passá-lo sob a pele, geralmente até o abdômen (derivações ventriculoperitoneais). O líquido cefalorraquidiano é então drenado do cérebro. Os efeitos desse tratamento podem não ser evidentes por várias horas. Esse procedimento pode melhorar significativamente a capacidade de andar e coordenação e pode diminuir a incontinência. No entanto, a função mental melhora menos e num menor número de pessoas. Desta forma, é importante o diagnóstico precoce, para que as pessoas possam ser tratadas antes do desenvolvimento da demência.

Outros tratamentos são semelhantes aos tratamentos para outros tipos de demência.

Medidas de segurança e apoio

Criar um ambiente seguro e de apoio pode ser muito útil ( Criação de um ambiente benéfico para as pessoas com demência).

Geralmente, o ambiente deve ser iluminado, alegre, seguro, e estável e projetado de tal forma que ajude com a orientação. Alguns estímulos, como rádio ou televisão, são úteis, mas estímulos excessivos devem ser evitados.

A estrutura e a rotina ajudam as pessoas com demência a ficarem orientadas e obter uma sensação de segurança e estabilidade. Qualquer alteração no ambiente, rotinas ou cuidadores deve ser explicada para as pessoas de forma clara e simples.

Seguir uma rotina diária de tarefas como tomar banho, comer e dormir ajuda as pessoas com demência lembrarem das coisas. Seguir uma rotina regular na hora de dormir pode ajudá-las a dormir melhor.

Atividades programadas regularmente podem ajudar as pessoas a se sentirem independentes e necessárias, concentrando sua atenção em tarefas prazerosas ou úteis. Tais atividades devem incluir atividades físicas e mentais. As atividades devem ser divididas em pequenas partes ou simplificadas conforme ocorre a piora da demência.

Cuidado dos cuidadores

Cuidar de pessoas com demência é estressante e exigente, e os cuidadores podem ficar deprimidos e exaustos, muitas vezes negligenciando a própria saúde física e mental. As seguintes medidas podem ajudar os cuidadores ( Cuidar dos cuidadores):

  • Aprender como atender com eficácia as necessidades das pessoas com demência e o que esperar delas: Os cuidadores podem obter esta informação de enfermeiros, assistentes sociais, organizações e materiais publicados e on-line.

  • Procurar ajuda quando for necessário: Os cuidadores podem falar com os assistentes sociais (incluindo aqueles do hospital da comunidade local) sobre fontes apropriadas de ajuda, como programas de auxílio, visitas de enfermeiros em casa, assistência de manutenção da casa em tempo integral ou parcial e a assistência residente. Aconselhamento e grupos de apoio também podem ajudar.

  • Cuidar de si mesmo: Os cuidadores precisam lembrar que devem cuidar de si mesmos. Não devem esquecer seus amigos nem deixar de praticar seus hobbies e atividades.

Assuntos relacionados ao final da vida

Antes que as pessoas com demência fiquem muito incapacitadas, devem ser tomadas decisões sobre os cuidados médicos e devem ser feitos acordos financeiros e legais. Estes acordos são chamados de instruções prévias. As pessoas devem nomear alguém que esteja legalmente autorizado a tomar decisões de tratamento em seu nome (intermediário para os cuidados com a saúde). Devem discutir seus desejos de cuidados de saúde com essa pessoa e seu médico. Essas questões são discutidas com todos os envolvidos muito antes da necessidade de tomada de decisão.

Conforme a demência piora, o tratamento tende a ser dirigido para manter o conforto da pessoa em vez de tentar prolongar a vida.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Considerações gerais sobre o sistema nervoso
Vídeo
Considerações gerais sobre o sistema nervoso
Modelos 3D
Visualizar tudo
Mesencéfalo: Corte transversal (anatomia normal)
Modelo 3D
Mesencéfalo: Corte transversal (anatomia normal)

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS