Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Problemas devido a repouso no leito

Por

Oren Traub

, MD, PhD, Pacific Medical Centers

Última revisão/alteração completa mar 2018| Última modificação do conteúdo mar 2018
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Ficar na cama por um longo tempo sem atividade física regular, como pode ocorrer em um hospital, pode provocar muitos problemas. (Consulte também Problemas devidos à hospitalização.)

Coágulos de sangue

Uma lesão na perna, cirurgia na perna ou repouso no leito podem impedir que o paciente use as pernas. Quando as pernas não estão sendo usadas, o sangue se move mais lentamente das veias das pernas para o coração. Há uma probabilidade maior de se formarem coágulos nesse sangue que se move lentamente. Às vezes, os coágulos sanguíneos se movem das veias das pernas para os pulmões e bloqueiam um vaso sanguíneo lá (chamado de embolia pulmonar). Esses coágulos podem apresentar risco à vida.

Meias de compressão pneumáticas podem ser usadas para evitar coágulos. Com uma bomba elétrica, essas meias apertam, repetidamente, as panturrilhas e movem o sangue para e pelas veias.

As pessoas em risco elevado de desenvolver coágulos sanguíneos podem receber um anticoagulante (como heparina) injetado sob a pele do abdômen ou braço. Às vezes, um comprimido anticoagulante é administrado por via oral. Anticoagulantes ajudam a evitar a coagulação do sangue.

Você sabia que...

  • A maioria das pessoas hospitalizadas recebe um anticoagulante, injetado sob a pele, para evitar a formação de coágulos nas pernas, com posterior deslocamento para os pulmões e bloqueio de um vaso sanguíneo lá.

Constipação

Quando o paciente fica na cama ou é menos ativo, as fezes se movem mais lentamente pelo intestino e pelo reto para sair do corpo. Assim, é mais provável que ocorra constipação. Além disso, as pessoas internadas podem receber medicamentos (como determinados analgésicos) que causam constipação intestinal.

Para prevenir a constipação, os membros da equipe estimulam as pessoas a beber muito líquido, e é incluída fibra extra como parte das refeições ou como suplemento. Podem ser receitados emolientes de fezes ou laxantes.

Depressão

Muitas pessoas que apresentam uma doença séria e ficam na cama por um longo período ficam deprimidas. Ter menos contato com outras pessoas e sentir-se inútil também pode contribuir para a depressão.

Úlceras de decúbito

A permanência em uma única posição na cama por muito tempo coloca pressão nas áreas da pele que tocam a cama. A pressão corta o suprimento de sangue para essas áreas. Se o suprimento de sangue for cortado por muito tempo, o tecido se parte, resultando em uma úlcera de decúbito (também chamada úlcera por pressão). As úlceras de decúbito podem começar a se formar em apenas duas horas.

É mais provável que as úlceras de decúbito se desenvolvam em pessoas que

  • Estão desnutridas

  • Urinem involuntariamente (sejam incontinentes)

Estar desnutrido torna a pele fina, seca, inelástica e mais provável de se romper. A incontinência expõe a pele à urina, que a deixa mais macia, causando rupturas.

As úlceras de decúbito normalmente ocorrem na parte inferior das costas, cóccix, calcanhares, cotovelos e quadris. As úlceras de decúbito podem ser graves e dar origem a infecção que se espalha pela corrente sanguínea (sepse).

Se o paciente tiver dificuldade de se movimentar, os membros da equipe mudam, periodicamente, sua posição na cama para ajudar a evitar que úlceras de decúbito se formem. A pele é inspecionada, em busca de qualquer sinal de úlcera de decúbito. Acolchoados podem ser colocados sobre partes do corpo que estiverem em contato com a cama, como calcanhares, para protegê-las. Se uma pessoa já apresentar úlceras de decúbito, uma cama especial que usa ar para redistribuir a pressão pode ser utilizada para que não haja pressão apenas em uma área por muito tempo.

Ossos fracos

Quando os ossos não carregam um peso regularmente (ou seja, quando o paciente não passa tempo suficiente em pé ou caminhando), os ossos se tornam fracos e mais propensos a fraturas.

Músculos fracos e articulações rígidas

Quando os músculos não são usados, eles se tornam fracos. Ficar na cama pode fazer com que as articulações, músculos e os tecidos em torno deles (ligamentos e tendões) fiquem rígidos. Com o tempo, os músculos se encurtam permanentemente, e as articulações rígidas podem se tornar permanentemente curvas, o que é chamado contratura.

Um círculo vicioso pode resultar: O paciente fica na cama por causa de um distúrbio ou de uma cirurgia, o que resulta em músculos fracos e em articulações rígidas, o que torna a movimentação (inclusive ficar em pé e caminhar) ainda mais difícil.

Prevenção de problemas devido a repouso no leito

As etapas para prevenir problemas relacionados ao repouso no leito podem parecer incômodas ou exigentes demais, mas são necessárias para uma boa recuperação.

Movimentar-se o mais rápido e o máximo possível pode ajudar a prevenir a maioria dos problemas, incluindo a constipação. O paciente é estimulado a sair da cama assim que possível. Se o paciente não puder sair da cama, deverá se sentar, se movimentar ou fazer exercícios na cama. Flexionar e relaxar os músculos na cama pode ajudar a evitar que os músculos enfraqueçam.

Para o paciente que não pode se exercitar sozinho, um fisioterapeuta ou outro membro da equipe move seus membros para ele. Mobiliário, como corrimãos, barras de segurança no banheiro, assentos elevados no banheiro, camas baixas e tapetes pode facilitar a movimentação.

Para crianças, os hospitais geralmente têm salas de brinquedos para estimular a atividade e para evitar tédio ou depressão.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Como proteger sua saúde enquanto viaja para o exterior
Vídeo
Como proteger sua saúde enquanto viaja para o exterior
Exame de tomografia computadorizada (TC)
Vídeo
Exame de tomografia computadorizada (TC)
Um exame de TC é utilizado para detectar lesão em ossos e tecidos moles. Durante o procedimento...

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS