Não encontrado
Locais

Encontre informações sobre assuntos médicos, sintomas, medicamentos, procedimento, noticias e mais, redigidas em linguagem simples.

Bursite do tendão calcâneo

Por Kendrick Alan Whitney, DPM, Temple University School of Podiatric Medicine

A bursite do tendão calcâneo é uma inflamação da bolsa preenchida com líqudio (bursa) localizada tanto entre a pele da parte anterior do calcanhar e o tendão calcâneo (bursite posterior do tendão calcâneo), como na frente do ligamento do tendão calcâneo ao osso do calcanhar (bursite anterior do tendão calcâneo, bursite retrocalcânea).

  • Os sintomas comuns incluem inchaço, sensação de queimação sensibilidade parte anterior do calcanhar.

  • O diagnóstico é baseado em sintomas, exames e, algumas vezes, em radiografias.

  • O tratamento enfoca o alívio da inflamação e, dependendo da localização da bursite do tendão calcâneo, a eliminação da pressão da parte anterior do calcanhar.

O tendão calcâneo é aquele que liga os músculos da panturrilha ao osso do calcanhar. A bursite posterior do tendão calcâneo é, geralmente, associada à formação da proeminência de um osso chamada deformidade de Haglund ou síndrome de Haglund no osso do calcanhar. A bursite anterior do tendão calcâneo também é chamada doença de Albert ou bursite retromaleolar.

A bursite posterior do tendão calcâneo ocorre principalmente em mulheres jovens, mas pode se desenvolver em homens. Andar de uma forma que haja pressão repetida no tecido mole atrás do calcanhar contra o suporte duro de um calçado pode causar ou agravar a bursite. Calçados que se afunilam bruscamente em direção à parte posterior do calcanhar (como calçados de salto alto) podem causar uma pressão irritante que leva ao desenvolvimento desta bursite.

Bursites no calcanhar

Normalmente, apenas uma bursa se localiza no calcanhar, entre o tendão calcâneo e o osso do calcanhar (calcâneo). Essa bursa pode ficar inflamada, inchada e dolorida, resultando em bursite anterior do tendão calcâneo.

A pressão anormal e a disfunção do pé podem causar a formação de uma bursa protetora entre o tendão calcâneo e a pele. Essa bursa também pode ficar inflamada, inchada e dolorida, resultando na bursite posterior do tendão calcâneo.

Qualquer condição que coloca pressão adicional no tendão calcâneo pode causar a bursite anterior do tendão calcâneo. As lesões do calcanhar e doenças como a artrite reumatoide também podem causá-la.

Sintomas

Quando a bursa fica inflamada após uma lesão, os sintomas, em geral, se desenvolvem repentinamente. Quando a bursa se desenvolve sem uma lesão, os sintomas podem se desenvolver gradativamente. Em ambas as bursites do tendão calcâneo, posterior e anterior, os sintomas geralmente incluem inchaço e queimação na parte anterior do calcanhar. Uma mancha pequena, vermelha, inchada e sensível aparece na parte anterior do calcanhar. Quando a bursa inflamada aumenta, ela se parece com uma protuberância avermelhada sob a pele do calcanhar e há dor na parte de cima do calcanhar. Se a bursite posterior do tendão calcâneo se tornar crônica, o inchaço pode ficar rígido, preenchido com líquido, avermelhado ou cor de carne.

Diagnóstico

O diagnóstico é baseado nos sintomas e em um exame. Na bursite anterior do tendão calcâneo, os médicos utilizam a radiografia para descartar uma fratura do osso do calcanhar ou lesão causada por artrite reumatoide ou outra artrite inflamatória.

Tratamento

Em ambas as bursites do tendão calcâneo, anterior e posterior, aplicar compressas quentes ou frias na área e utilizar medicamentos anti-inflamatórios não esteroides (AINEs) pode aliviar a dor e inflamação temporariamente, bem como injeções com mistura de corticosteroide/anestésico na bursa inflamada. O médico tem o cuidado de não injetar a mistura no tendão. Após esse tratamento, a pessoa deve descansar. Quando esses tratamentos não são efetivos, parte do osso do calcanhar pode precisar ser removida cirurgicamente.

Na bursite posterior do tendão calcâneo o tratamento enfoca a redução da inflamação e o ajuste da posição dos pés nos calçados para aliviar a pressão e o movimento na parte anterior do calcanhar. Almofadas para calcanhar de espuma de borracha ou feltro são colocadas nos calçados para eliminar a pressão elevando o calcanhar. Colocar uma almofada protetora de gel sobre a bursa dolorida ou esticar a parte anterior do calçado e colocar um estofamento ao redor da bursa inflamada são medidas que podem ajudar. Em alguns casos, um calçado especial, como um tênis de correr projetado para estabilizar a entressola do calcanhar, dispositivos colocados no calçado (órteses) ou ambos podem ajudar a controlar o pé anormal e o movimento do calcanhar que contribui para a irritação da parte posterior. Outros calçados possuem amortecedores que reduzem a irritação da parte anterior do calcanhar e do tendão calcâneo.

Recursos neste artigo