Não encontrado
Locais

Encontre informações sobre assuntos médicos, sintomas, medicamentos, procedimento, noticias e mais, redigidas em linguagem simples.

Hemangiomas

Por Denise M. Aaron, MD, Dartmouth-Hitchcock Medical Center

Os hemangiomas consistem em crescimentos excessivos e anômalos dos vasos sanguíneos, que podem surgir sob a forma de nódulos de cor vermelha ou púrpura na pele e em outras partes do corpo.

Os hemangiomas da infância são muito comuns. Os hemangiomas também se desenvolvem durante a meia-idade e posteriormente, em particular no tronco.

Hemangiomas da Infância

Esses angiomas são o tumor mais comum da infância, afetando 10 a 12% das crianças com até 1 ano de idade. Os hemangiomas da infância surgem pouco depois de a criança nascer e tendem a crescer rapidamente durante o primeiro ano de vida. Depois dos 12 a 18 meses de vida, começam a diminuir. Cerca de 75% dos hemangiomas desaparecem aos 7 anos de idade, embora deixem na pele uma cor anômala e sinais de cicatrizes.

Os hemangiomas da infância crescem na pele ou sob a pele. Provocam saliência na pele e assumem a cor vermelha brilhante ou, se forem profundos, são azulados. A maior parte dos hemangiomas atinge entre 0,5 e 5 cm, embora possam ser, por vezes, muito maiores. Mais de metade surge na cabeça e no pescoço. Às vezes, surgem em órgãos, como o fígado (veja Hemangiomas hepáticos).

Os hemangiomas da infância não causam dor, mas às vezes se rompem (ulceração) e sangram. Os hemangiomas que surgem em volta do olho podem atingir um tamanho muito grande, chegando a impedir a visão e podendo conduzir à sua perda permanente, se não forem corrigidos. Os hemangiomas podem obstruir, igualmente, o nariz ou a garganta e bloquear a respiração.

Os médicos podem fazer uma ressonância magnética (IRM) se o hemangioma estiver obstruindo o nariz ou a garganta ou uma outra estrutura importante.

Geralmente, os hemangiomas da infância somem totalmente até a criança atingir 10 anos de idade. Visto que os hemangiomas da infância desaparecem frequentemente por si só, os médicos não os tratam quando surgem, a menos que cresçam rapidamente, obstruam a visão ou a respiração, ulcerem ou provoquem uma preocupação estética.

Quando o tratamento for necessário, os médicos podem prescrever corticosteroides, que são aplicados na pele, injetados ou administrados por via oral; tratamentos a laser; ou ainda propranolol administrado por via oral. Os hemangiomas com ulceração são tratados com compressas, medicamentos aplicados na ferida e curativos. A remoção cirúrgica não é geralmente recomendada, pois a grande maioria dos hemangiomas somem sozinhos, não deixando cicatrizes. Nas crianças mais velhas, quando se verifica a maior diminuição do hemangioma, a cirurgia pode a melhorar o aspecto da pele.

Angiomas-Cereja

Os angiomas-cereja são muito comuns em adultos. Geralmente surgem como um tumor dos vasos sanguíneos, saliente e vermelho, no torso, com poucos ou muitos pontos. Os angiomas-cereja não são prejudiciais. Se causarem incômodo, o médico pode removê-los com uma agulha elétrica ou um bisturi.